SANTOS

  • A TRANSMUTAÇÃO DO CORAÇÃO NOS SANTOS DA IGREJA

    TOMMASO PALAMIDESSI

    A TRANSMUTAÇÃO DO CORAÇÃO NOS SANTOS DA IGREJA

    Caderno 49º

  • QUANDO E PORQUÊ SE MANIFESTAM OS SANTOS

    Tommaso Palamidessi A TRANSMUTAÇÃO DO CORAÇÃO NOS SANTOS DA IGREJA

    É Sabido que os santos da Igrejase manifestam ao horizonte da vida social e espiritual do mundo todas as vezes que as estruturas morais e religiosas  rangem e ameaçam andar em ruína. Pois bem, foi num destes momentos históricos difíceis que se fizeram em frente com a palavra e o exemplo a Santa de Pratoi Caterina de Ricci e a outra não menos famosa, Caterina de Siena, e antes delas nos séculos 13º, 14º, e 15º, S. Domenico de Gusmanno Velho Castelo, fundador do Ordem que leva o seu nome, cujo nascimento recorre o oitavo centenário; S. Vicenzo Ferreri, predicador, taumaturgo e unificador da Igreja; o Martir Girolamo Savonarola inspirador do “estado popular”, renovador do “Sacerdócio dos Fieis”, exortador ao “rigorismo ascético”.

  • O SIMBOLISMO DO CORAÇÃO NAS SAGRADAS ESCRITURAS

    Tommaso Palamidessi A TRANSMUTAÇÃO DO CORAÇÃO NOS SANTOS DA IGREJA

    No Novo Testamento Jesus precisa que a causa humana do pecado é unicamente o coração. “Do coração vêm os pensamentos malvados, os homicídios, os adultérios, as fornicações, os furtos, as falsos testemunhos, as difamações” (Mateus,15:19). No coração se escuta a voz da consciência. O coraçãoconhece o homem e o reprovará se transgride os mandamentos de Deus.

Contacta-nos

Para entrar em contato com Arqueosófica, por questões relativas à atividades ou ao material da escola, pode deixar uma mensagem aqui. Adere á Arqueosófica e difundam a Arqueosofia para a salvação daquilo que na actual sociedade mundial é ainda possível salvar.